Post 1

1 - Carcassonne (França)
Erguida no século 13, a fortaleza de Carcassonne é uma das maiores construções medievais do velho continente. Com três quilômetros de muralhas duplas e 52 torres, a cidade foi toda restaurada no século 19, depois de passar anos abandonada. A cidadela é considerada Patrimônio Mundial da Unesco desde 1997. Para os que desejam saber mais sobre a história da cidade, uma boa dica é o passeio de charrete com um guia pelas muralhas. 

2 - Bruges (Bélgica)
Com cerca de 117 mil habitantes, Bruges é conhecida por alguns como a Veneza do Norte, já que a cidade é cortada por centenas de canais. Com uma majestosa praça iluminada com grande candelabros, carruagens indo e vindo e ruelas com chão de pedra, Bruges é uma das mais bem preservadas cidades medievais da Europa. Entre os séculos 12 e 15, a cidade era um dos principais centros econômicos do continente. 

3 - Praga (República Checa)
Com uma arquitetura que mistura o gótico com o renascentista, Praga, que já foi um importante centro comercial na Idade Média, ainda conserva algumas construções da época, como a ponte de Carlos, construída em 1357 sobre o rio Vltalva. Outro ponto turístico da cidade é o Castelo de Praga, datado do século nove, que começou a ser construído em 1880 e terminou em 1920, e atualmente funciona como a residência presidencial. 

4 - York (Inglaterra)
Antiga capital do Império Romano, dos Vikings e da Inglaterra, a cidade de York possui mais de dois mil anos de histórias para contar. Com ruas medievais e muralhas romanas, a cidade abriga a maior catedral gótica do norte europeu, a Catedral de York. Construída em 630 d.C e reconstruída muitas vezes depois disso, o local religioso conta com 148 metros de comprimento e três torres com 60 metros de altura. 

5 - Trakai (Lituânia)
Antiga capital da Lituânia, a cidade de Trakai abriga o único castelo construído em uma ilha do mundo, o Castelo de Trakai. Localizado no Lago Galve, a construção é datada de 1410 e foi feita sobre uma ilha para garantir a segurança dos que nele moravam e na época funcionava como uma fortaleza. Atualmente é aberto ao público e um dos principais pontos turísticos do país.

6 - Siena (Itália)
Siena é uma das cidades mais velhas do mundo. Já foi na antiguidade um centro etrusco, depois gaulês e, por fim, romano. Com centenas de construções em estilo medieval, é como se a cidade tivesse sido construída em torno da Piazza del Campo, a principal praça de cidade, construída entre os anos 1820 e 1350. Outro ponto turístico é a Catedral de Siena que foi construída entre 1215 e 1263. 

7 - Edimburgo (Escócia)
A cidade velha de Edimburgo preserva grande parte da cultura medieval que fez parte da história do país. Nesta parte da cidade está localizado o Castelo de Edimburgo, uma das maiores heranças medievais do país. Erguido sobre um imenso rochedo, a antiga moradia real demorou anos para ser construída, mas a sua fundação é anterior ao século 11. Ainda no centro velho da cidade, os turistas podem visitar também a Catedral de Santo Egídio datada de 1883.

8 - Kilkenny (Irlanda)
A história da Irlanda é marcada por disputas entre vikings e ingleses, e grande parte dessa história se deu durante o período medieval. Uma cidade que ainda possui referências dessa época é Kilkenny, no sudeste do país. No município está localizado o Castelo de Kilkenny, construído em 1190 como propriedade privada, mas desde 1967 passou a ser administrado pelo Estado, que o restaurou e abriu para visitação.

9 - Toledo (Espanha)
Construída no meio de montanhas, a cidade de Toledo foi um dos locais que presenciaram o período da Inquisição Espanhola. O município foi declarado Patrimônio da Humanidade da Unesco em 1986 por conta de seus castelos medievais, monastérios, catedrais, fortalezas e outros locais com arquitetura da época. 

10 - Tallinn (Estônia)
A cidade de Tallinn é considerada a cidade medieval mais bem preservada da Europa. Capital da Estônia, o destino é conhecido por ser a possível terra natal dos vikings. O centro histórico da cidade é quase que inteiramente composto por prédios de origem medieval, com quilômetros de ruelas sinuosas com casas da época, uma muralha de mais de dois quilômetros e 26 torres defensivas, além de igrejas seculares e o magnífico castelo de Toompea, dos séculos 13 e 14.

11 - Dubrovnik (Croácia)
Fundada na metade do século 7, a cidade velha de Dubrovnik fica escondida entre as imponentes muralhas medievais que foram construídas entre o século dez e 13. No centro histórico da cidade é possível visitar igrejas góticas, renascentistas e barrocas, além de monastérios, palácios, fontes e outras construções antigas.

 

Por Fernanda Cordeiro - Panrotas


11 CIDADES QUE TE LEVAM DE VOLTA PARA A IDADE MÉDIA